Breves, no Pará, cidade com maior disparada de mortes por Covid-19 no país, decreta abertura do comércio na segunda #Rss

Breves, no Pará, cidade com maior disparada de mortes por Covid-19 no país, decreta abertura do comércio na segunda

Breves, no Pará, cidade com maior disparada de mortes por Covid-19 no país, decreta abertura do comércio na segunda

24/05/2020 12h00 28

Fica autorizado a funcionar, no período de 25 a 31 de maio, das 6h até às 12h, o comércio em geral. Regras de distanciamento e higiene devem ser mantidas. Orla da cidade de Breves, no Marajó - cidade com maior crescimento de mortes de Covid-19 em duas semanas no Brasil. Cristino Martins / O Liberal A Prefeitura Municipal de Breves, na ilha do Marajó, publicou na última sexta-feira (22) o decreto 058, que autoriza a retomada gradual da economia a partir de segunda-feira (25). O município estava entre as 16 cidades que tiveram o "lockdown" (bloqueio total) decretado pelo Governo do Pará. A cidade de Breves teve a maior alta de mortes por coronavírus em duas semanas, no período de 27 de abril a 11 de maio. O aumento foi o mais acentuado entre todas as cidades brasileiras afetadas pela pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2), que causa a doença Covid-19. Segundo o documento, a flexibilização atende um pedido da Associação Comercial Industrial e Agropastoril de Breves (ACIAB). De acordo com o documento, fica autorizado a funcionar, no período de 25 a 31 de maio de 2020, das 6h até às 12h, o comércio em geral, exceto empresas de navegação (para transportes de passageiros), academias, restaurantes, lanchonetes, bares, boates, clubes, balneários e similares. As normas para os estabelecimentos são: controlar a entrada de pessoas, limitado a um membro por grupo familiar, respeitando a lotação máxima de 50% de sua capacidade, inclusive na área de estacionamento; seguir regras de distanciamento; fornecer alternativas de higienização e impedir o acesso ao estabelecimento de pessoas sem máscara. Missas e cultos religiosos poderão ser realizados, com capacidade máxima de 10 % da lotação das igrejas, com distanciamento de dois metros entre os frequentadores. Sendo que fica proibido nesses eventos a participação de pessoas do grupo de risco, pessoas com sintomas de gripe ou Covid-19; e crianças menores de 12 anos. fonte:G1 Pará



  • Compartilhe publicação:
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter



Comentários