Como usar whatsapp como prova na Justiça

Como usar whatsapp como prova na Justiça
Ruy Martins

Use da maneira certa e tenha as provas necessárias

 

Qualquer mensagem trocada não só por WhatsApp pode ser usada como meio de prova em um processo na justiça e também fora dela, nos chamados processos administrativos.

 

Não só as mensagens de texto. Fotos, vídeos e áudios também são válidos. Tenha cuidado com a sua atividade nas redes sociais. Veja como fala e como reage principalmente nas conversas em grupo.

 

Já atuei em um processo onde uma pessoa foi condenada a pagar indenização por ter ofendido alguém. E para tanto foram usados apenas prints de uma conversa em grupo.

 

Mas atualmente os juízes exigem mais. Os prints são facilmente adulterados e existem até aplicativos que simulam conversas. Por isso é preciso mais do que apenas uma foto da conversa.

 

 

WhatsApp como meio de prova

 

Repetindo, é possível usar trocas de mensagens de quaisquer aplicativos. O WhatsApp contudo é o mais popular.

 

Na justiça, as maneiras mais eficazes para se conseguir provar alguma coisa através de troca de mensagens em redes sociais são:

 

    Ata Notarial;

    Perícia.

 

A perícia fica mais restrita a casos específicos e complexos. Se o que você quer é mostrar ao juiz o que a outra pessoa fez ou disse e isso está registrado em seu celular, a Ata Notarial é mais indicada.

 

O que é uma Ata Notarial?

 

É um documento elaborado no Cartório de Notas e por isso possui fé pública. Fé pública é o crédito que se deve dar a documentos emanados de autoridades públicas ou serventuários da justiça, em virtude da função ou ofício exercido e portanto é um meio muito eficiente de prova.

 

A Ata Notarial indicará que a troca de mensagens em questão é real, mas isso não significa que você tem razão naquilo que está dizendo.

 

Antes de fazer alegações principalmente na justiça, consulte um advogado!

 

 

Em que casos posso usar conversas do WhatsApp como prova?

 

Em praticamente qualquer situação em que tenha havido uma conversa, troca de arquivos, fotos, vídeos ou áudio, uma vez atestada por uma Ata Notarial, poderá ser utilizada como meio de prova.

 

Inclusive em atendimentos comerciais, educacionais, na empresa onde você trabalha, conversas entre amigos, familiares, etc.

 

 

Considerações finais

 

Dados sensíveis, ou seja, confidenciais, podem ser expostos ao se utilizar este meio de prova. Cuidado para que ao invés conseguir provar um fato, você acabe criando ou agravando uma situação.

 

Consulte um especialista para que a prova seja bem produzida. Sobretudo um advogado da área do Direito Civil te dará orientações se aquela troca de mensagens que você tem pode de fato ser usada como prova.

 

Uma prova bem feita depende do contexto e de certas palavras ou situações bem específicas, sem margem a muitas interpretações.

 

Fonte: https://wandex.jusbrasil.com.br/artigos/887672485/como-usar-whatsapp-como-prova

Publicado por: Advogado Wander Barreto

JusBrasil