IMG-LOGO

Pará

Sistema BRT Belém retoma atividades com 10 ônibus articulados

por DuReis Oliveira - 17/08/2020 135 Visualizações
Sistema BRT Belém retoma atividades com 10 ônibus articulados

O sistema foi suspenso no dia 1º de abril, com o avanço dos casos do novo coronavírus. BRT Belém Semob O Sistema BRT Belém voltou a operar nesta segunda-feira (17). A retomada é gradual e começou com 10 dos 15 ônibus articulados. O sistema foi suspenso no dia 1º de abril, com o avanço dos casos do novo coronavírus. Além da obrigatoriedade do uso de máscaras, será necessário cumprir o distanciamento entre pessoas nas estações, além do uso de álcool gel antes de entrar nos ônibus. "Deixamos, num primeiro momento, a opção ao usuário para desembarcar da linha alimentadora e integrar no BRT em um terminal ou estação, e assim seguir viagem com mais conforto até São Brás, ou mesmo seguir direto no ônibus convencional que terá mantido, por enquanto, seu itinerário que foi estendido durante a pandemia", explica Gilberto Barbosa, superintendente da Semob. Voltam a circular os ônibus articulados da linha BRT Maracacuera-São Brás, com operação segregada pelas canaletas das avenidas Almirante Barroso e Augusto Montenegro, e utilização de terminais e estações para operação de embarque e desembarque de passageiros. Voltam a circular também as linhas alimentadoras Paricás, Itaiteua e Fama/Maracacuera, assim como a linha Canarinho/Tapanã, que integra no Terminal Tapanã. Nesta primeira fase de retomada, essas linhas alimentadoras serão transformadas em linhas integradoras, porque farão as integrações ou no Maracacuera, ou no Tapanã, dependendo da linha e ao invés de logo retornarem aos bairros ainda seguirão até seu itinerário final, São Brás (nas linhas que integram no Maracacuera) ou Ver-o-Peso (na linha que integra no Tapanã). Quem optar por fazer a integração entre as linhas alimentadoras e BRT pagando uma única passagem deve usar uma das modalidades de cartão válidos no sistema de transporte público de Belém – Vale Transporte Digital, Passe Fácil Estudantil, Passe Fácil Sênior (idoso),Passe Fácil Especial (PCD) e Cartão Expresso. Nesta primeira etapa da retomada, a operação dos veículos, que originalmente operam em linhas troncais, permanecerá pelas faixas de tráfego misto operando nas linhas do serviço convencional Tapanã/Ver-o-Peso,Icoaraci/ Presidente Vargas/ Paracuri I, Icoaraci/ Presidente Vargas/ Paracuri II e Outeiro/ Brasília/ São Brás. Medidas de prevenção A Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob) determinou às empresas operadoras do Sistema de Transporte Público de Passageiros a adoção dos protocolos de segurança sanitária para reduzir o risco de contágio da Covid-19. Além do uso obrigatório de máscaras para acesso aos locais, haverá demarcação de sinalização de distanciamento entre as pessoas nos pisos, onde também haverá a disposição álcool 70% para higienização das mãos. Aaos ônibus articulados do BRT serão permitidos até 28 passageiros em pé, o que equivale a um terço de sua capacidade. Veículos de modelo padron e convencionais que fazem linhas alimentadoras tem sua capacidade ampliada de oito para até 14 passageiros em pé. A Semob também alerta para que pedestres, ciclistas e motociclistas não utilizem a pista expressa para deslocamento e procurem os pontos de travessia seguros e sinalizados, no caso dos pedestres e ciclistas, e os pontos de retorno determinados para conversão, no caso dos motociclistas. "Como o sistema BRT está parado desde 1º de abril, infelizmente muitas pessoas voltaram a utilizar a canaleta de forma indevida, e viemos fazendo um trabalho de conscientização nesse período. Agora com a retomada do Sistema BRT o risco é de acidentes nesses casos, então é preciso que as pessoas busquem preservar as suas vidas e a vida de terceiros respeitando as regras de circulação no local", conclui o superintendente da Semob.


G1 Pará LEIA MAIS:
https://g1.globo.com/pa/para/noticia/2020/08/17/sistema-brt-belem-retoma-atividades-com-10-onibus-articulados.ghtml


Compartilhar: